Posso usar lentes de contato quando estou com conjuntivite?

pexels-tayla-walsh-948620

Conjuntivite é algo bem comum de se pegar, provavelmente você já teve conjuntivite em algum momento da sua vida. O problema é quando um usuário de lentes pega conjuntivite. Hoje vamos explicar qual o problema em usar lentes de contato quando está com conjuntivite.

Mas antes disso, é importante saber o que é exatamente a conjuntivite. Esse problema nada mais é que uma inflamação ou infecção na membrana que protege o globo ocular e a parte interna da pálpebra. Essa membrana recebe o nome de conjuntiva, por isso quando ela inflama, o nome que se dá ao problema é conjuntivite.

Existem muitos motivos para que a conjuntivite apareça, pode ser por causa de um vírus, um fungo ou uma bactéria. Em alguns casos o motivo tem origem alérgica também. Nos casos de origem viral, bacteriana ou fúngica, a conjuntivite é contagiosa, ou seja você pode pegar por estar no mesmo ambiente que o doente ou então pelo contato com objetos contaminados. Daí a conjuntivite aparece em um olho e, normalmente, contagia o outro olho também.

Olhos vermelhos, secreção e lacrimação, intolerância à luz, coceira, inchaço e dor na pálpebra, visão embaçada e sensação de areia nos olhos são os sintomas comuns de quem está com conjuntivite. Se esse for o ser caso, recomendamos que consulte um oftalmologista.

No caso de quem usa lentes de contato, é imprescindível que o uso seja suspenso. Mesmo se você não tiver certeza de que realmente está com conjuntivite, está apenas com os olhos vermelhos e uma leve irritação, suspenda o uso das lentes de contato e procure um oftalmologista. Visão é algo sério, então todo cuidado é pouco.

Ao confirmar que está mesmo com conjuntivite, o ideal é que o usuário fique cerca de 15 dias sem usar a lente. Claro que você deve, acima de tudo, seguir a recomendação do seu médico, que fez todos os exames necessários e conhece o seu histórico. A lente deve permanecer fora de uso para evitar que o problema de visão piore e também que a lente seja contaminada pelo fungo, vírus ou bactéria.

Mas se você já usou a sua lente gelatinosa e só depois percebeu que estava com conjutivite, temos uma péssima notícia para você! Sua lente está contaminada e você precisa jogá-la fora. Não há solução de limpeza que “cure” a sua lente da conjutivite. Uma vez contaminada, ela deve ir para o lixo, infelizmente. Além disso, descarte também o estojo pois provavelmente ele foi contaminado também. E na sua próxima compra de lente você já vai ganhar um novo, né?!

E você, já teve conjuntivite? Continuou usando lentes de contato? Coloque nos comentários a sua experiência!